13 de julho de 2014

Maersk, MSC e CMA CGM Comissão Europeia dá luz verde à Aliança P3

A Aliança P3, constituída por três dos maiores armadores mundiais – Maersk, MSC e CMA CGM, recebeu o aval da Comissão Europeia (CE) para operar. Com esta decisão da CE, a P3 soma mais um parecer positivo no sentido da viabilização da aliança entre os três armadores, uma vez que Comissão Marítima Federal dos EUA (FMC) também deu luz verde a este projeto.Sujeita aos pareceres favoráveis das autoridades da concorrência da União Europeia, Estados Unidos e China, falta-lhe apenas conquistar uma avaliação positiva deste último país.
Caso a China considere que a Aliança P3 não constitui uma infração às leis da concorrência, os três armadores poderão finalmente cumprir o seu objetivo através de um acordo operacional de longo prazo na rota comercial Leste – Oeste com vista à melhoria e otimização das operações e ofertas de serviços. A rede P3 irá operar uma capacidade de 2,6 milhões de TEU’s, com 255 navios e 29 ‘loops’, em três rotas comerciais: Ásia- Europa, Trans-Pacífico e Trans-Atlântico (veja mais informações AQUI) 
Recorde-se que, tal como a Transportes em Revista noticiou, a Aliança P3 escolheu o Terminal XXI do porto de Sines, para terminal de águas profundas em Portugal. A informação foi avançada pelo administrador da MSC Portugal, Carlos Vasconcelos, durante o 8º Encontro da Transportes em Revista. No painel subordinado ao tema “Concorrer para Crescer” e inquirido se haveria mercado para um novo mercado de águas profundas em Portugal, o responsável da MSC Portugal referiu que Portugal apresenta algumas vantagens comparativas – localização geográfica, ambiente económico, paz social, entre outras – mas adiantou que «quem escolhe os portos de escala são os armadores e os parceiros da Aliança P3 já decidiram que o terminal de águas profundas em Portugal será em Sines».

2 comentários:

André salvador disse...

Blá Blá Blá…. batem recordes… geram milhões mensais de lucro… graças á exploração dos trabalhadores! Uma vergonha a nivel europeu… 3 € á hora | trabalho por turnos | uma das mais perigosas profissões do mundo a ser menosprezada por esses capitalistas…!! ninguém fala disso! mas isso é que é importante!! EXPLORADOS CONTRATOS PRECÁRIO!!! ORDENADOS VERGONHOSOS!!! E SEM CONDIÇÕES DE HIGIENE E SEGURANÇA… UMA VERGONHA!!

EstivadoresAveiro disse...

Olá André,
é a mais pura das verdades...cada vez mais se nota que a última preocupação a ter em conta são os trabalhadores, e as suas condições.

Obrigado por comentar no nosso blog.
O.Miguel